Gato de Cheshire

O Gato aparece pela primeira vez no capítulo 6 "Porco e pimenta", quando Alice vê um Peixe-Lacaio entrega a um Sapo-Lacaio um convite para a Duquesa da casa. Alice observa esta operação curiosa e, após uma conversa com o sapo que a deixa perplexa, atreve-se a entrar na casa. Depara-se com a cozinheira da Duquesa a atirar pratos e frigideiras contra esta e a fazer uma sopa simultaneamente, mas utiliza tanta pimenta nela que todos na divisão - a Duquesa, o bebé e a própria Alice - espirram violentamente, com a exceção da cozinheira e do Gato de Cheshire. Depois de sair da casa, encontra-se em um bosque, onde o Gato de Cheshire aparece e Alice pergunta se há um lugar em que não há gente louca e como ir para lá. O Gato responde que todos são loucos, inclusive ele e Alice, acabando por lhe indicar a hipótese de visitar o Chapeleiro Louco ou a Lebre de Março e desaparece lentamente, deixando apenas o seu sorriso. Alice escolhe a Lebre, na esperança de se não tratar de uma criatura louca, apesar de ter ouvido o que o gato disse, e parte imediatamente.
O Gato de Cheshire aparece novamente quando Alice e a Rainha de Copas estão jogando cróquete (Capítulo 8 - O Campo de Cróquete de Sua Majestade). Ao aparecer só sua cabeça no jogo, a Rainha se irrita com ele e manda cortar cabeça do Gato. O carrasco se recusa, dizendo que é muito velho para começar a cortar cabeças sem corpo. Devido ao fato do Gato pertencer à Duquesa, a Rainha solicita a liberação desta da prisão para resolver a questão. No capítulo seguinte, a Duquesa aparece no campo, vai ao encontro de Alice com uma grande simpatia por ter salvado seu Gato.

Postagens mais visitadas